Quem foi o Presidente Wilson e qual a relação dele com a Baixada Santista

Thomas Woodrow Wilson foi o 28º presidente dos Estados Unidos e até hoje é lembrado por muitos acadêmicos e historiadores

Homenageado por ruas e avenidas de diversas cidades em todo o país, Wilson foi um importante líder progressista dos EUA e tinha o intuito de selar a paz entre as nações durante a Primeira Guerra

Nascido na Virginia em 28 de dezembro de 1856, Wilson foi um político e acadêmico PhD em ciências políticas e foi professor em várias escolas até ser eleito presidente da Universidade de Princeton, em 1902. Em 1910 se tornou governador de Nova Jérsei pelo Partido Democrata e nas eleições de 1912 decidiu ir além e concorreu à presidência dos EUA, vencendo com folga. Exerceu sua função no cargo de 1913 à 1921 e foi líder do Movimento Progressista, fazendo com que os Democratas ganhassem controle da Casa Branca e do Congresso a partir de então.

Primeira Guerra

Wilson teve um papel muito importante durante um momento extremamente sombrio historicamente falando, pois estava no cargo mais alto de uma das maiores nações do mundo no mesmo período em que ocorreu a Primeira Guerra Mundial – 28 de julho de 1914 à 11 de novembro de 1918 – e isso refletiu em suas decisões políticas a partir do ocorrido.

Em 1918, o presidente decidiu realizar uma proposta para resolver a questão definitivamente. Ele queria selar a paz, a fim de evitar que uma outra guerra se formasse e a partir de então os tratados de paz começaram a ser analisados. Wil pretendia selar um equilíbrio pacífico entre os europeus, foi a partir disto que foi criado o “14 pontos de Wilson” ou “14 pontos para a paz”, um documento que seria definitivo para que a Liga das Nações (uma espécie de Organização das Nações Unidas) fosse inaugurada.

Reconhecimento

Foi tanto esforço envolvido durante seus anos na presidência que, em 1919, Wilson ganhou o prêmio Nobel da Paz, por sua defesa da Liga das Nações, sendo o segundo presidente americano em exercício a receber tal honraria.

Uma política externa foi criada decorrente de toda sua visão de moralidade no seu intervencionismo, “Wilsonianismo”, nela diz que os Estados Unidos tem o dever de promover a democracia por todo o globo.

Em Santos

Em uma de suas primeiras sessões após a vitória das Forças Aliadas na Primeira Guerra Mundial, a Câmara Municipal de Santos resolveu homenagear Wilson. Em 9 de outubro de 1918, o então vereador Heitor de Morais redigiu: ‘Considerando que, neste palpitante momento da História Moderna, se decide no campo das lutas diplomáticas, pela força do Direito, a sorte definitiva da Guerra das Nações e, com ela, o destino da Humanidade; considerando ainda que Wilson há de passar à História como o Ditador da Paz; a Câmara Municipal de Santos resolve dar o nome de Avenida Presidente Wilson à Avenida Ana Costa e comunicar essa resolução, por telegrama, ao sr. Woodrow Wilson, presidente da União Americana’.

No mês seguinte, em 13 de novembro de 1918, Edwin Morgan, embaixador dos Estados Unidos enviou um telegrama através do governo brasileiro, escrito ‘Tenho a honra de acusar recebimento hoje ofício Vossa Excelência pelo qual me informa resolução unânime Câmara Municipal Santos dando a denominação de Avenida Presidente Wilson a uma das artérias dessa Cidade. Agradeço mui penhorado essa comunicação e terei maior prazer enviar senhor presidente Wilson notícia dessa significativa homenagem. Saudações cordiais’.

Mais buscadas

#tbt ação social afro aldeia alimentação almoço amor anchieta anime animesantos aniversário de Santos ano novo aquario arquitetura arte arte no dique avenida baixada santista bares bazar bebida beijaflor beneficente bertioga bicicleta bike birdwatching boat week Brasil cachaça cães café cafeterias campanha carnaval carnaval2020 carnavalsantista carreira casamento cenário centro histórico cerveja cerveja artesanal chamada chopp ciência cine autorama cinema cinema em santos circo clima coletivo comer e beber compras concha acústica confraternização consciência negra conscientização coração coworking crianças cruzeiro cruzeiros cubatão cuidado cultura culturageek curiosidades curso cursos curta metragem curta santos dança desfile design design gráfico designer dia das bruxas dia das mães dia de finados diversao drinks drive in ecologico economia criativa ecoturismo educação empreendedorismo encontro encontro de criadores engenho dos erasmos entretenimento entrevista espetáculo esporte esportes EUA evento eventos eventos em Santos exposição família fantasia feira feriado férias festa festa junina festas festival festival da imagem fim de ano finados flores fotografia gastronomia geek geekfest golf granderio guarujá halloween handmade história hospedagem hotéis hotelaria humor inverno itanhaém japones jazz juicy juicy santos juicybazar LAB lançamento lazer lendas leo maia lgbt liberdade limpeza literatura litoral norte litoral plaza litoral plaza shopping livros lixozero lucky tattoo macuco mar mendes convention center moda mongaguá monumentos mostra mudanças mulheres museu museu da água museu do exercito museu do forte museus música música classica nacional natal natureza negócios neguinhodabeijaflor nerd novembro azul o que fazer obras oficina onde beber oportunidade orla orla da praia orla de santos palestra papai noel parada de natal parque páscoa passeio patrimônio percurso persona personagens peruíbe pesquisa pet friendly pets praia praia do gonzaga praia grande praias premiação presentes presidente wilson prevenção primeira guerra projeto social projetos qualidade de vida restaurantes reveillon revela bertioga revista nove riviera riviera boat riviera de são lourenço rodovia role roteiro turístico sambaenredo santos santos city santos jazz festival santoscity são paulo são vicente saúde segurança sesc sesc jazz sesc santos shopping show shows social sofitel solidariedade stand up sustentabilidade tarrafa tattoo tatuagem teatro tenor tenor jean william terror trabalho voluntário turismo turismo religioso valongo vegan veganismo vegetarianismo verão vida noturna vinho vinhos vulcão vulcão do macuco workshop zeca pagodinho zero treze zerotreze