Santos ganha casa noturna dedicada aos flashbacks

O Ta Matete abriu as portas no dia 10, mas inaugura oficialmente em fevereiro

Os velhos tempos da disco estão de volta em Santos, com a reabertura de uma casa noturna que fez sucesso em São Paulo na década de 1970

O Ta Matete foi o primeiro triplex noturno da cidade de São Paulo, inaugurado em 1977, e fez a cabeça daqueles que curtiam a noite na década de 1970. Mais de 40 anos depois, é hora de Santos entrar nos embalos do flashback.

Estivemos em um pré-opening da casa noturna nessa quinta, 10, e já deu pra sentir que as noites serão animadas por lá. A inauguração oficial é em fevereiro, mas a casa abrirá em janeiro para alguns previews, de quinta a sábado. A entrada custa R$ 50.

A nova boate, que fica na Av. Ana Costa, 363, levou quase um ano para ser construída e resgata os ambientes e, claro, a música, das antigas discos. Tudo muito retrô, com um toque de sofisticação.

Na pickup, o DJ Fabian Beraldo, que comandava o som na antiga Ta Matete, é o responsável por trazer a casa a Santos. Ele também apresenta o Programa 12 Polegadas, na Rádio Saudade FM, aos sábados, às 22h.

O que vimos por lá

Em sua primeira noite, a Ta Matete estava com a pista e os camarotes cheios e o público, em sua grande maioria, entre os 40 e 60 anos, trazia de volta os passinhos coreografados que fizeram sucesso nas discos de 70, 80 e 90.

Os garçons percorriam pela pista para que ninguém precisasse ir até o bar e perdesse aquela viradinha esperada no auge da música. A diversão correu madrugada adentro nessa quinta que, ao menos para quem estava lá, chegou com cara e ritmo de sábado.

Curiosidade: Ta Matete (O Mercado) é um quadro do pintor francês Paul Gauguin.

Diego Brígido

Editor da Revista Nove