Um novo cenário para o turismo de eventos em Santos

Vamos falar de turismo e negócios?

O setor global de viagens e turismo cresceu 3,9% ao contribuir com uma cifra recorde de US$ 8,8 trilhões e gerar 319 milhões de postos de emprego em todo mundo em 2018. Pelo oitavo ano consecutivo, este resultado foi superior à taxa de crescimento do PIB mundial, de 3,2%. Os dados são do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (World Travel & Tourism Council – WTTC), ao lado da Oxford Economics.

Um em cada cinco novos empregos gerados nos últimos cinco anos

Os números impressionam ainda mais se considerarmos que o turismo foi o segundo setor de maior crescimento, atrás apenas de manufaturas (+4%), mas à frente de importantes segmentos como cuidados de saúde (+3,1%), tecnologias da informação (+1,7%) e serviços financeiros (+1,7%). No Brasil são 6,9 milhões de empregos (7,5% do total de trabalhos gerados no Brasil).

Houve ainda um aumento na participação com gastos de lazer para 78,5% (acima dos 77,5% em 2017), o que significa que 21,5% foram das viagens corporativas e negócios.

O impacto do turismo de negócios na indústria

Além das necessidades que são comuns tanto a quem viaja a negócios quanto ao turista de lazer, um colaborador atuando em outro destino em nome de sua empresa faz uso de uma série de recursos, equipamentos e espaços específicos.

Assim, além de adquirir passagens aéreas, de alugar um carro para o deslocamento no destino, de alimentar-se na cidade e de reservar um quarto de hotel, o viajante a negócios também requer espaços para realizar eventos, feiras e treinamentos e salas de reuniões.

Há também a necessidade de contratar fornecedores locais, profissionais técnicos e de alugar equipamentos e tecnologia para essas ocasiões. Com isso, o colaborador e a empresa que fornece os recursos para a viagem contribuem ativamente para a movimentação dos negócios na cidade de destino e para a indústria do turismo como um todo.

Isso torna-se ainda mais significativo nas épocas de baixa ocupação, nas quais os destinos turísticos percebem uma diminuição considerável dos visitantes, mas que não afetam o turismo de negócios.

A cidade de São Paulo, por exemplo, recebe milhões de turistas todos os anos — mais especificamente cerca de 3,5 milhões deles. Destes, 67% vão à capital paulista por motivos profissionais, o que faz de São Paulo a capital nacional do turismo de negócios.

O crescimento do turismo de negócios dentro das empresas

Segundo dados de junho de 2018 da ALAGEV – Associação Latino Americana de Gestores de Eventos e Viagens Corporativas, 46% dos gestores das empresas analisadas reportaram diferentes níveis de aumento nos gastos com viagens corporativas.

No setor da hotelaria, o turismo de negócios também representa a maior fonte de lucros. Em 2018, o Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) reportou que, em todos os segmentos de valores de diárias, os hóspedes viajando a negócios somam mais da metade dos clientes.

Santos inserida nesse novo cenário

A chegada recente de novos hotéis de redes nacionais e internacionais aumentou notadamente a capacidade de hospedagem e qualificou ainda mais o atendimento na hotelaria santista. Além disso, hotéis que antes eram de administrações familiares também foram assumidos por grandes redes.

A tendência é que o mercado passe a considerar mais o destino Santos para eventos corporativos por conta dessa nova realidade. São nomes como Marriot, Atlântica, Accor, Bourbon e Atrio.

A composição desse cenário favorável ficará completa com contrução nos próximos anos de um novo e moderno Centro de Convenções de Santos. O espaço terá um total de 29 mil metros quadrados e contará com heliponto na cobertura, pavilhão de feiras e exposições climatizado, salas de evento, auditório para mais de 4,5 mil pessoas e 400 vagas de estacionamento cobertas.

Principais hotéis para eventos

Principais hotéis para eventos

Bourbon Santos Hotel | Carina Flat | Comfort Santos | Cosmopolitan Praia Flat | Ibis Santos Gonzaga | Ibis Santos Valongo | Mercure Santos | Novotel Santos | Parque Balneário Hotel by Atlântica | Park Inn Santos by Radisson | Sheraton Santos | Casa Grande Hotel – Guarujá

Mais de 7 mil leitos | Salas para eventos de pequeno e médio porte | Convenções até 1000 pessoas

Diego Brígido

Editor da Revista Nove